1. A
  2. B
  3. C
  4. D
  5. E
  6. F
  7. G
  8. H
  9. I
  10. J
  11. K
  12. L
  13. M
  14. N
  15. O
  16. P
  17. Q
  18. R
  19. S
  20. T
  21. U
  22. V
  23. W
  24. X
  25. Y
  26. Z

IDS

significa Indemnização Direta ao Segurado. Convenção entre seguradoras destinada a facilitar e a acelerar a regularização de sinistros de responsabilidade civil automóvel. Para tal, uma aderente – credora – pode e deve, até ao limite convencionado, indemnizar o seu segurado por conta e na proporção da responsabilidade atribuída ao segurado da aderente responsável – devedora. Para que isto se verifique é necessário que: – Ambos os condutores preencham corretamente e assinem a Declaração Amigável de Acidente Automóvel (D.A.A.A.). – Intervenham apenas 2 veículos. – O acidente ocorra em território nacional. – Existam apenas danos materiais. – Os danos não excedam 1000 contos. (converter para euros) – Ambos os veículos tenham seguro válido nas companhias aderentes à Convenção.

 

Indemnização

É a obrigação contratual da Seguradora de reparação de um dano ou prejuízo, através do pagamento do valor necessário à reposição da situação existente no momento anterior ao sinistro ou, se tal não for possível, à sua compensação por valor equivalente. Nos seguros Ramo «vida» não há lugar a indemnização propriamente dita, mas sim à entrega do valor contratado.

 

ISP

O ISP – Instituto de Seguros de Portugal, é a instituição oficial portuguesa de controlo, supervisão e fiscalização da actividade seguradora e resseguradora, dos fundos de pensões e da actividade de mediação de seguros (www.isp.pt).