Regra que pode ser aplicável quando o Capital Seguro for inferior ao valor real do objecto seguro. O Tomador de Seguro responderá, na proporcionalidade respectiva, por perdas e danos.